Cabelos Crespos? Afinal quem sou?

crespo

É levianamente interessante como uma simples pergunta pode nos levar a divagar por horas em nossos pensamentos e por fim não haver resposta alguma. Há exatamente sete meses e um dias, me olhei no espelho e vi alguém que talvez eu conhecesse pouco, ou melhor, que eu não queria conhecer bem. Escondia-me de mim mesma. Pode me achar meio louca, e saiba que eu sou, mas me olhando naquele espelho eu vi alguém que jamais tinha visto. De cabelos molhados, curtos e cacheados eu percebi que em minha vida inteira eu jamais tinha me visto assim. (De certo, acredite que estou a exagerar, perdoe, isso vem da personalidade feminina).

Olhei-me, olhei, olhei e olhei, mexi aqui e ali remexi, subi, prendi, e olhei de novo. Quando vi estava mandando fotos para minhas amigas e querendo saber  opiniões a respeito do meu novo visual. A resposta foi: “legal”, você tá linda assim”, “que diferente”, “uau, é você mesma?” Por ai vai… Mas o que me chamou mais atenção foi o comentário que uma delas me fez: ” aceitar nosso cabelo crespo é aceitar quem a gente é, a nossa história…você vai se descobrir…não tenha medo.

Confesso que esta saga de cabelo natural não foi fácil e não é fácil. Pois a principio você se sente feia, tem suas crises de “existencialismo capilar” (Por quê Deus me fez assim? Por quê não tenho cabelos lisos? Oh céus, oh vida!) Mas acredite, passa! Quando você vê, está se acostumando… E fazendo para que o seu cabelinho se torne sua marca registrada.

Não passei por transição, por sorte meu cabelo tinha crescido o suficiente nestes dois anos que eu os escondi com a chapinha. E aos poucos percebo que eu nunca soube realmente cuidar dos meus cabelos.

A mídia ensina que cabelo bom, é cabelo liso, por isso ,”matamos” ou melhor, nos matamos por um cabelo liso. E quando nos revelamos cacheadas ou crespas temos que ouvir das outras pessoas que é feio, que é ruim, que ficamos feias assim. É ai que não sabemos nada sobre nós mesmos de novo. Quando você se conhecesse você cria sua própria opinião e a defende com unhas e dentes, é assim que você terá que ser quando quiser se assumir crespa.

Não estou aqui para mudar a opinião de ninguém a respeito do seu cabelo. Cada um faça melhor do jeito que quiser, mas quero lhe chamar atenção ao fato de que você ai, seja quem for tem um cabelo lindo que só precisa de cuidados. E acredite,  descobri que sei pouco sobre minha personalidade, pois o cabelo faz parte dela, e aos poucos estou cultivando descobertas e estou aprendendo um pouco com elas.

Se você é crespa ou cacheada permita-se agora olhar-se no espelho por alguns instantes, mas faça isso com seus cabelos naturais, quem sabe isso não te faça refletir sobre sua personalidade, ou sobre o quanto tão pouco sabe sobre você. Nosso cabelo faz parte da nossa história, ele está conosco em todos os momentos da nossa vida.

Se permita hoje se conhecer melhor…

Eliane Santos

Esse post foi publicado em Cabelos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s